bettyb_edited.jpg

CONHEÇA A INK'LACE

para mulheres tatuadas

Há relatos de tatuagens desde os primórdios da humanidade, mas foi preciso passar muito tempo para tornar-se popular e ser vista com olhos menos preconceituosos. Fortemente relacionada a tribos, tanto culturais quanto sociais, associadas a criminosos, rebeldes, prostitutas, entre outros, em meados do século XIX, começou a aparecer em sociedade como atração freak em performances de circos. Foi preciso que homens e principalmente mulheres corajosas usassem seus corpos como tela nessas apresentações para consequentemente trazer essa prática ao nosso momento atual. Tudo que aconteceu serviu como base para o que hoje é um estilo de vida, seja por curiosidade ou busca por expressar sua identidade, milhares de pessoas adotaram as tatuagens como adorno para o corpo. Quanto mais tinta na pele, mais força para lidar com os resquícios de uma sociedade ainda preconceituosa, e mais liberdade para as gerações seguintes. Essa prática que atinge diversas subculturas ainda tem pouco apoio pela mídia, pelas marcas e empresas diversas, onde o público-alvo é sempre considerado padrão, reforçando a estranheza ao se comparar com quem busca uma forma alternativa de se expressar.


O objetivo da Ink’Lace, como já expressa pelo nome, é criar e desenvolver moda íntima para esse público e fortalecer nossa identidade. Nós queremos que você, querida cliente, se veja em nossas peças antes de realizar sua compra, e sinta-se em casa ao acessar nosso catálogo, pois todo nosso planejamento é feito pensando em você. 

A marca nasceu de um sonho que vem crescendo e tomando forma há cerca de dez anos. Em desenvolvimento formal desde 2019, inauguramos oficialmente em Agosto de 2020, em meio a crise gerada pela Pandemia do Novo Coronavírus, porém com muita disposição e desejo de fazer a diferença para nossas clientes.


*Imagem: Betty Broadbent, the 'Tattooed Venus', Sydney, 1938, photographer Ray Olsen, Pix Magazine.